Qual é o melhor momento para extrair leite materno?

Sem dúvida alguma, o melhor momento é o que for melhor para ti, o momento onde te sintas disponível, descontraída e com tempo.

Na extração de leite não é tudo técnica. É fortemente influenciada pelas nossas emoções, devido ao impacto que têm a nível fisiológico no nosso corpo. Tal como acontece com a amamentação.

Contudo, a extração pode tornar-se mais fácil quando aproveitamos também os picos hormonais que são:

• Enquanto o bebé mama do outro lado.
• Ao extrair das duas mamas em simultâneo se tivermos uma bomba dupla.
• Após uma mamada. Se não resultar bem, experimenta extrair entre 30 a 60 minutos depois de amamentar o teu bebé.
• À primeira hora da manhã.

Concordo quando dizem que a extração de leite é uma “Arte maternal”, pois na maioria dos casos não é só colocar a bomba e começar a extrair leite com facilidade. É muito comum no inicio não conseguir extrair muito, a extração requer aprendizagem e prática.

Extrair com regularidade, todos os dias aproximadamente no(s) mesmo(s) momento(s) é importante e realizar sessões curtas e frequentes costuma resultar melhor do que passar minutos a fio insistindo numa mama.

Antes de começar a extrair, aplica calor e realiza uma pequena massagem para ativar o reflexo de ejeção do leite.
Durante a extração realiza compressões mamárias em diferentes quadrantes e observa o que resulta melhor para ti.
Troca de mama assim que deixe de sair leite; podes trocar de mama as vezes que consideres necessário tendo o cuidado de não ultrapassar 20 minutos no total em cada lado para evitar lesões.

O tipo de extração também é determinante. Muitas mulheres não conseguem extraír praticamente nada com bombas e a extração manual é a melhor opção, outras dão-se melhor com bombas mecânicas e não elétricas. As vezes é preciso experimentar diferentes bombas até dar com aquela melhor para nós.

Muito ânimo e força nesta fase! Lembra-te que sempre é preciso tempo de adaptação. No início o mais importante é o quanto estimulamos, aprendemos e habituamo-nos nesta nova rotina. Persistência, descontração, organização e apoio são fundamentais.

Confia, vai correr bem 

Disto e muito mais vamos falar no workshop “Amamenta e Trabalhar, SIm! Informa-te AQUI
Laura Orion

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *